Peixes Ornamentais e o Mapa de Exportação

Mapa de Exportaçã

De acordo com os dados mais recentes de pesquisa desenvolvida pela Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o Brasil tem 26,5 milhões de peixes ornamentais. Os outros bichos também apresentam números expressivos como, por exemplo: 19,1 milhões de aves e 2,17 milhões de outros animais (répteis e pequenos mamíferos). Já os cães representam 37,1 milhões e os gatos 21,3 milhões. O que totaliza 106,2 milhões de animais de estimação em todo país. 

Esse grande número de criação de peixes reflete em um mercado grande e consolidado no país e em todo o mundo. Em 2012, o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) divulgou dados sobre a exportação desses animais, que são criados em casa como animais de estimação. A exportação desses animais chegou a render US$ 9 milhões. Ainda segundo o relatório, dois anos antes, em 2007, o faturamento foi de US$ 5 milhões.

Regras Rígidas para Exportação

Para exportar a sua criação de peixes ornamentais, o produtor precisa seguir algumas regras, dispostas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e só pode exportar esses animais, comerciantes de animais aquáticos vivos, cotistas e revendedores registrados no Registro Geral da Pesca (RGP), do MPA e no Cadastro Técnico Federal (CTF) do IBAMA. O IBAMA enquanto órgão anuente efetiva o Registro de Exportação ou da Licença de Importação para o transporte internacional com fins comerciais. A carga deve estar acompanhada da cópia impressa do Registro de Exportação-RE ou da Licença de Importação-LI do Banco Central do Brasil, efetivado no Sistema de Informações do Banco Central-SISBACEN, no Sistema Integrado do Comércio Exterior-SISCOMEX ou outros sistemas que venham a substituí-los. 

Criação de Peixes Ornamentais “Made in Brazil”

De acordo com dados da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex Brasil) o Brasil possui 725 espécies liberadas para comercialização, das mais de 4 mil catalogadas na fauna local, e figura entre os principais países com alta variedade de espécies de finalidade ornamental e de aquarofilia, ao lado de China, Alemanha, Cingapura e EUA.

Os principais lugares do mundo importadores dos peixes são: Ásia: China, Hong Kong, Taipei e Cingapura. No Brasil, o Projeto Arapaima, fica em Belém do Pará e é líder em exportação de peixes ornamentais. No ranking destacam-se os acaris e arraias. Porém várias espécies de criação de peixes fazem parte desse mercado como: abramites, anóstomo, apaiari, piratantã, bagrinho, rodostomo, cascudo, tetra, chalceu, lambari, zepelim, limpa vidro e muitos outros.

OBS.: Esta matéria foi escrita para o portal Pet Mag, cujo autor deste blog é colunista.  

Peixes Ornamentais e o Mapa de Exportação
Rate this post

Incoming search terms:

  • com escrever um projetopara criação de peixes ornamentais

The following two tabs change content below.

EDITORA FRAGA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *