Animação enfatiza fascínio pelo universo dos pets

O filme: A Vida Secreta dos Bichos

Até que demorou, mas o filme “Pets: A Vida Secreta dos Bichos” reforça o poderio bilionário do mercado Pet. Apesar de inúmeras produções com cães, gatos, ratos, coelhos, pássaros e peixes, esta foi a primeira vez que uma película reúne várias espécies de animais domésticos se interagindo entre si. O resultado não poderia deixar de ser o mais óbvio, sendo que o longa superou todas as expectativas faturando em seu primeiro final de semana de exibição, mais de US$ 100 milhões nas bilheterias dos Estados Unidos e Canadá. No Brasil, cujo mercado Pet movimenta cerca de R$ 12,5 bilhões ao ano, o resultado não foi diferente. Em dois dias de existência, a página de facebook já registrava mais de 230 mil fãs. Em sua estréia nos cinemas brasileiros, a bilheteria desta animação registrou a presença de 892 mil espectadores. Voltado para as crianças, o filme também agrada os adultos em cheio, pois todos relembram de suas próprias experiências e travessuras com os seus pets.

Pets: A Vida Secreta dos Bichos

Pets em ação: turminha engraçada e agitada.

Ciúme e Aventura

Em um nobre apartamento de Manhattan, o enredo se desenrola quando Max, um cão da raça terrier, não compreende porque a sua tutora não para mais em casa. Para piorar, ele ganha a companhia do desleixado Duke, que passa a dividir o amor da tutora e atrapalha a vida confortável de Max. Inconformado com a presença do rival, o terrier provoca diversas trapalhadas e confusões com o intuito de expulsar Duke. Mas, em seguida, todos terão que se juntar do mesmo lado da trincheira, pois o coelho Snowball está montando um exército de animais abandonados para se vingar dos colegas que são mimados e amados por seus donos. A animação conta com cenas hilárias como um cão da raça basset que utiliza acessórios da batedeira para uma deliciosa massagem, um gato ladrão de geladeira e os pets que curtem adoidado um som da banda System of a Down.

O filme Pets: A Vida Secreta dos Bichos

Tiago Abravanel: neto de Sílvio Santos emprestando sua voz ao filme.

Esta animação engloba o roteiro de Brian Lynch e a direção de Chris Renaud com o mesmo núcleo de criação dos blockbusters Minions e Meu Malvado Favorito. Na versão original, as vozes são dubladas pelos atores Louis C.K., Eric Stonestreet, Kevin Hart, Jenny Slate e Ellie Kemper. No Brasil, o elenco conta com Danton Mello, Tiago Abravanel, Tatá Werneck e Luís Miranda. A trilha sonora também envolve Taylor Swift, Pharrell Williams, Pitbull feat. GRL, entre outros artistas de sucesso. Comprovando o amplo sucesso desta estratégia, a Universal Pictures e a Illumination já confirmaram a sequência desta animação para o mês de julho de 2018, em plenas férias de verão americano.

Pets: A Vida Secreta dos Bichos

Família unida pelo amor incondicional aos animais de estimação.

Amor Sem Explicações

A paixão entre os homens e seus animais domésticos sempre ultrapassou todas as fronteiras. Muitos pets são considerados como membros da família e seus proprietários não economizam carinho e muito menos dinheiro para proporcionar a melhor qualidade de vida que possível. Numa pesquisa recente, 9 em cada 10 pessoas ouvidas nos Estados Unidos afirmam que os seus sentimentos pelos seus “amigões” são semelhantes àqueles que nutrem pelas pessoas mais próximas. Se consideram como pais ou mães de seus animais. Para os amantes dos bichos, é apenas a constatação do óbvio. Para quem não gosta de intimidade com os animais, é um desvio de comportamento a ser explicado por psicólogos. Como é possível o sentimento por animais rivalizar com o apego às pessoas?

Amor Incondicional

Tudo dominado: animais de estimação espalhados nas redes sociais.

Para constatar a relevante consideração de um animal de estimação para uma família, basta passear pelos perfis de amigos e parentes nas redes sociais. As fotos do cachorro, gato ou papagaio disputam espaço com as dos bebês e amantes. As declarações de amor aos animais não poupam gestos abarrotados que por muitas vezes, beiram a cafonice. Vídeos que capturam a fofurice de cãezinhos e as proezas de bichanos (gatos cantores são imbatíveis) são campões absolutos de audiência. A oferta de produtos e serviços para os bichos de estimação é mais um indício de amor desmedido: há de padaria a manicure especializada. Estima-se que os brasileiros, donos de 101 milhões de animais domésticos, gastem R$ 400 mensais em cuidados com eles. O dinheiro não é indicativo de maiores cuidados, pois muitos hospitais veterinários públicos vivem lotados de tutores preocupados com a saúde de seu melhor amigo.

Animação enfatiza fascínio pelo universo dos pets
Rate this post

The following two tabs change content below.

EDITORA FRAGA

Latest posts by EDITORA FRAGA (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *